Eu queria

Eu queria dizer que gostei de você desde a primeira vez que te vi. Que aquele tom azul escuro combina com seu corpo e que seu corte de cabelo é engraçado de se ver. Um engraçado gostoso de lembrar, provocando um sorriso largo de trazer leveza para a mente.

Continue reading

Fragmentos

Dedos percorriam as olheiras, verificando as mudanças que as semanas provocaram. Mais marcadas e profundas, eram resultado de um sono desregulado e uma mente cheia de perturbações. Pele pálida, barba por fazer. Olhos inexpressivos. Espelho refletindo alguém familiar, mas mais estranho a cada olhada.

Continue reading

Vozes

Você esperava o que? Achava mesmo que as coisas iam se sair bem? Tolo. Era para doer mais. Infantil. Tinha que ter doido mais. Como vai aprender sem sangrar o suficiente? Foi pouco. Qual é a sensação de cair? Gosto do desespero de não ter no que se segurar estampado nos seus olhos. Perfeito. Continue reading

Toque

Toque | Luan Felipe

Aquilo que desestabiliza cresce. Aproveita as brechas. Cria momentos de crise, alimentando passados que de tão revividos ganham tons suspeitos. As incertezas são impulsionadas, o chão perde consistência. A vontade de sair da cama some.

Continue reading